Pages

10 de dez de 2009

Não me leve para o inferno!


Sam Raimi, diretor de Homem Aranha, trouxe esse ano um dos  melhores filmes de terror dos ultimos tempos. Arraste-me Para o Inferno (Drag Me To Hell, 2009) traz de volta os filmes de terror dos anos 80, com toque de humor e cenas nojentas. Com certeza, foi uma das melhores surpresas do cinema em 2009.

Christine Brown (Alison Lohaman) tem um namorado perfeito e tem grandes chances de conseguir ser efetivada no emprego, num banco. Tudo parece perfeito, até quando ela recebe a visita da estranha e apavorante senhora Ganush (Lorna Raver), que chega no banco pedindo mais tempo para pagar o aluguel da casa onde mora, se não ela tem que deixar sua residência. Christine tenta ajuda-la, mas o banco já tinha dado mais tempo para a senhora Ganush pagar; e mesmo se humilhando na frente de todos, Christine não pode fazer nada. Ganush fica com raiva e a ataca. Mais tarde, ela é atacada pela sra. Ganush, em uma cena muito nojenta, aterrorizante e bastante engraçada, jogando uma maldição em Christine: em três dias, ela vai ser levada para o inferno. Ao longo do filme ela ouve vozes, vê coisas e tem até sonhos com a Ganush, e desesperada, ela pede ajuda a um cartomante que sabe como acabar com a maldição. Mas ela tem apenas três dias para tentar se livrar dessa maldição.

O filme de Sam Mendes tem bastante cenas trash, o que torna várias cenas super engraçadas e difíceis de se levar a sério. E o interessante, é que o espectador não precisa ter coragem para assistir o filme, por ser de terror, ficar com medo e levar sustos. Sim, alguns sustos são garantidos, mas o espectador tem que criar coragem para ver cenas realmente nojentas.  Arraste-me para o inferno tem famosas cenas de rituais satânicos, com direito até um bode que fala, e cenas em cemitérios com chuva que parece que não acaba mais; e é claro, as cenas nojentas e trash. Desde o inicio do filme, quando aparece o simbolo da universal pictures, que aparece do jeito como era antigamente, e depois, com o formato do titulo do filme, já se tem uma noção do que virá pela frente: um filme de terror com cenas engraçadas e nojentas, típicas de filmes do gênero, nos anos 80. Realmente uma enorme surpresa para os fãs do gênero, que não aguentavam mais os filmes do gênero da atualidade.











Nenhum comentário:

Postar um comentário