Pages

18 de nov de 2010

Especial Jogos Mortais - PARTE 2

No post anterior, eu fiz um especial dos três primeiros filmes da série Jogos Mortais, e tinha prometido que faria a segunda parte depois. Conforme o prometido, aqui está o especial sobre a segunda parte da trilogia. Nos três primeiros filmes descobrimos que JigSaw, John (Toni Bell), estava doente e por isso que decidiu realizar os jogos mortais com as pessoas que não davam valor à sua vida, e a vida dos outros. Descobrimos também que Amanda (Shawnee Smitth) iria continuar com os jogos de JigSaw após a sua morte. Essas são as grandes revelações, de uma visão geral, além de outros detalhes mais importantes para cada um dos filmes. Nessa segunda parte, é mostrado que, tudo o que a gente descobriu, não estava por completo, e muito, mas MUITO mais detalhes estavam escondidos, e mais revelações estão por vir.

Quem já viu os filmes da série Pânico deve se lembrar de uma frase que Stu e Billy, os assassinos do primeiro filme, disseram: "Tudo fica melhor quando não há explicação para o motivo de tudo". Essa frase significa quequanto mais detalhes sobre o assassino, mais confuso fica, e  mais ruim. Nessa segunda fase de Jogos Mortais, isso é ignorado. Mas também, na década de 2000 só tivemos filmes que contaram o ínicio de tudo: O Exorcista, Hannibal, Halloween, entre outros; e uma franquia de sucesso, como Jogos Mortais, seria obvio que ia ganhar uma história contando o início. De fato ganhou, mas  não necessariamente, pois os três filmes seguintes não são realmente "o início". Mas algumas revelações e reviravoltas que aparecem a partir do quarto filme,  são anteriores aos três filmes dos Jogos Mortais. O resultado disso é que ficou tudo meio confuso de entender, mas com calma consegue acompanhar. E que os jogos mortais recomeçem, mais uma vez.

Aqui está o link da primeira parte do especial Jogos Mortais:
-  http://paulo-am.blogspot.com/2010/11/especial-jogos-mortais-parte-1.html

Detalhe: Eu estou contando a história dos Jogos Mortais em sequência, como se eu tivesse escrito, um em cada ano, um post sobre os filmes lançado. Então, se uma história de Jogos Mortais 4, por exemplo, estiver errada, é porque, até então, agente só sabia disso; e mais detalhes foram revelados nos outros filmes, anos depois.

ATENÇÃO: ESSE POST CONTÉM  ALGUMAS FOTOS FORTES. SE VOCÊ NÃO GOSTA, TENHA CUIDADO.

JOGOS MORTAIS 4 (SAW 4, 2007) Direção: Darren Lynn Bousman


A história começa mostrando a autópsia de JigSaw, onde descobrem uma nova fita dentro do seu estômago. O detetive Hoffman (Costas Mandylor) é chamado para ver a fita e descobre que, mesmo com a morte de JigSaw, os jogos continuarão. Continuando as investigações das mortes do terceiro filme, a polícia encontra o corpo da detetive Kerry, e dois agentes do FBI aparecem: o agente Strahm (Scott Patterson) e a agente Perez (Athena Karkanis). Os dois agentes acham que há um cúmplice de JigSaw e Amanda, e novamente, os jogos mortais recomeçam. Agora, a vítima principal é o agente Rick (Lyriq Bent), que era bastante amigo do detetive Eric Mathews, do segundo filme. Ele descobre que Mathews ainda está vivo e tem 90 minutos para sobreviver, o mesmo tempo que o agente Rick tem para completar o jogo, e salvar Eric. Mas junto com Eric está o detetive Hoffman, que também está preso numa armadilha junto.



Em Jogos Mortais 4 mais revelações aparecem e até que são um pouco surpreendentes. Mas não a revelação da conclusão final, e sim a revelação que acontece pouco antes de acabar o filme. Se você acha que essa quarta parte é um capítulo completamente diferente da primeira trilogia, está enganado. Jogos Mortais 4 começa uma nova trilogia, com novos personagens e tudo, mas você tem que ter visto os três filmes anteriores, PRINCIPALMENTE o anterior, Jogos Mortais 3.




No quarto filme descobrimos quem era a misteriosa mulher que aparece nos flashbacks de JigSaw, em Jogos Mortais 3: era a esposa de JigSaw, Jill (Betsy Russel), que agora é ex-esposa. Ela tem papel importante a partir de agora, e nesse quarto episódio, ela é suspeita de ser cúmplice de John "JigSaw". Descobrimos também o “real” motivo que levou JigSaw a começar com os jogos mortais: até o terceiro filme a gente sabia que era porque ele tinha um tumor no cérebro, e que ele queria testar as pessoas, alegando que elas não davam valor à vida. Agora, aparece um motivo explicando por que ele começou com as armadilhas mortais para testar as pessoas. E para quem não sabe, vou dar uma pista: o motivo tem a ver com Jill. Junto com o motivo que explicou mais ainda o porquê de JigSaw ter começado com os jogos, aparece também como ele criou o bonequinho da bicicleta, e o porquê da máscara de porco da fantasia. Esses dois motivos explicados até que foram bem interessantes, e o motivo da fantasia de porco, é meio triste, e tem a ver, novamente, com Jill. Tudo isso eu postei lá no final desse post, na parte de finais e detalhes reveladores.



As armadilhas mortais ficaram mais elaboradas e ganharam mais densidade de violência, mas ficando bem inferior a elas. A parte mais nojenta, e a melhor, é a primeira cena, que mostra a autópsia de JigSaw, que é quando eles encontram a fita dentro do estômago dele. Os caras abrem todo o JigSaw: cabeça, tiram o cérebro, cortam o peito, aparece eles tirando a camada de carne e os órgãos de dele. Simplesmente Mara!! À medida que se desenrola a história de Jogos Mortais 4, fica tudo muito confuso, mesmo eles explicando algumas coisas que não precisavam ser explicadas, e também nos apresentando novas idéias para continuar a trilogia. É aquela velha história que disse no início do post: quanto à gente menos souber sobre o motivo do vilão, melhor fica. E também, novos mistérios aparecem para confundir ainda mais a cabeça das pessoas. JigSaw está morto e não teria porquê alguém continuar com os jogos dele; Amanda já continuou.




No final de Jogos Mortais 4, é revelado quem realmente vai seguir com os jogos mortais de JigSaw. A revelação final já não é mais empolgante como as dos outros três filmes, mas os segredos revelados durante o filme são bem melhores, e nesse quesito, as surpresas são ótimas, mas desnecessárias. Com o novo seguidor de JigSaw revelado, que venha os Jogos Mortais 5.









JOGOS MORTAIS 5 (SAW 5, 2008) - Direção: David Hackyl


No final de Jogos Mortais 4, descobrimos que o detetive Hoffman vai continuar com os jogos mortais do falecido John “JigSaw”. Também descobrimos quem era a misteriosa mulher que apareceu na terceira parte, e descobrimos também que o detevite Mathews, do segundo filme, estava vivo. Em Jogos Mortais 5 saberemos porque Hoffman continuou com os jogos mortais. E que os jogos recomecem, mais uma vez.


O detetive Hoffman é o novo JigSaw da vez, e com a morte do verdadeiro JigSaw, ele é promovido e consegue se livrar de todas as pistas que dizem que ele é o assassino. Porém, o agente Strahn (Scott Patterson) suspeita de Hoffman, e começa uma investigação sobre os assassinatos e a relação de Hoffman neles. Enquanto isso, Hoffman dá início a mais um jogo mortal com novas vítimas. O agente Strahn é retirado do caso de JigSaw, e um outro policial é colocado no caso, que vai tentar descobrir o novo discípulo de John.



Em Jogos Mortais 5, nenhuma resposta que foi deixada para nós no filme anterior, é respondida; e ainda ganhamos mais uma dúvida. Mas, eles explicam uma coisa que é bem interessante: já que Hoffman é o novo discípulo de JigSaw, como ele conheceu John, e como ele deixou Hoffman continuar com os jogos? Em comparação aos outros, Jogos Mortais 5 não tem nada de espetacular, e tem o final revelador mais sem graça. A única coisa interessante é a revelação de porque Hoffman é que vai continuar com os jogos mortais, e novamente, mais flashbacks são mostrados, e desde a época anterior ao primeiro filme. Não tem muito que falar sobre a história e o enredo desse quinto filme, porque daí só contando os detalhes reveladores, que deixei para escrever no final do post. A dúvida que é deixada para nós, mais uma, acontece quando Jill recebe uma caixa preta, deixada por JigSaw. Ela abre a caixa, olha e não diz para ninguém o que tem dentro, nem pra nós. Esse mistério será só revelado no sexto filme.



Deixando a história de lado, vamos para a parte que todos adoram, e o motivo para ter tantos jogos mortais: as tão temidas armadilhas mortais. Jogos Mortais 5 é muito parecido com o segundo jogos mortais, pois o seguinte: são um grupo de pessoas que tem que sobreviver nas armadilhas colocadas por Hoffman, onde cada um deles vai morrendo. Os motivos e a relação deles um com o outro, também existem, mas não é nada demais, e é sempre a mesma coisa. Mas a revelação de quando os poucos sobreviventes chegam à última armadilha, é bem interessante, e mostra as atitudes das pessoas: eles percebem que fizeram tudo errado, e agiram por extinto cruel deles; e a moral disso é que, se eles não fizessem isso, a armadilha final seria bem mais fácil de e rápida de resolver, e claro, bem menos dolorosa. Mas como sempre, nos filmes de terror, os personagens são burros, não é? A primeira armadilha é a mais forte do filme, e talvez uma das mais horríveis da série, se é que se pode selecionar qual a pior: um cara amarrado numa mesa velha, sem camisa, e tem um pêndulo andando para lá e para cá, e descendo ao mesmo tempo, prestes a cortar a barriga do cara como se fosse uma navalha enorme; a primeira vez que corta a pele do cara, é tenso. No cinema, essa morte parecia ser mais assustadora ainda.




O final de Jogos Mortais 5 não tem nada de interessante e revelador, como nos outros filmes; e essa quinta parece um filme perdido, sem pé e sem cabeça, como se fosse o segundo filme de uma trilogia já planejada, igual ao Senhor dos Anéis. Esse quinto filme é uma prova que as idéias estão acabando e que já chega de jogos mortais. Resta agora esperar o capítulo final, o último Jogos Mortais, para fechar a hexalogia de uma das maiores séries de filmes já lançada no cinema, principalmente uma série de filmes de terror.







JOGOS MORTAIS 6 (SAW 6, 2009) - Direção: Kevin Greutert


E por fim, aqui estamos no “capítulo final” de uma das séries de filmes mais importantes, e que mais marcou a década de 2000: Jogos Mortais. Seis filmes foram lançados desde 2004 até 2009, um a cada ano, e a partir do quarto, cada vez mais parecia que a série ia ficando ruim. O problema é que inventaram uma nova trilogia, e por mim, já tava muito mais que bom até o terceiro. Em Jogos Mortais 6, todos os segredos que ficaram para trás são revelados, finalmente, e colocam um final em tudo o que aconteceu, exceto que... Isso não vai acontecer, ainda.

Em Jogos Mortais 6, Hoffman planeja mais um jogo mortal, mas para a sua surpresa, alguém mais está investigando o caso dos assassinatos junto com o agente Erickson (Mark Rolston): a agente Perez (Athena Karkanis), que foi dada como morta em Jogos Mortais 4, e ressurge do refúgio para acabar com os planos de Hoffman. A principal vítima de Hoffman é William Easton (Peter Outerbridge), que é dono de uma empresa de seguro de saúde. Ele e os membros de sua equipe escolhiam quem ganharia o seguro de saúde baseado em cálculos nada éticos sobre as condições de cada um. William encontrará no caminho todos os membros de sua equipe, e terá que decidir quem vai sobreviver.



Pela primeira vez nessa segunda trilogia, os motivos dos jogos mortais são ótimos, bem explorados, e tem mais: William e seus membros tem relação direta com JigSaw. Ou seja, dessa vez, os jogos mortais de Hoffman são um tipo de “vingança” pessoal de John pelo mal que eles lhe causaram; e de fato, todos eles mereciam morrer, principalmente William. Esses detalhes serão contados nos detalhes reveladores, no final do post; mas vou dar um início para vocês. A empresa comandada por William fornece seguros para doenças e coisas afins. Mas como são várias pessoas e pouco dinheiro, eles são obrigados a fazer uma “peneira” nas pessoas inscritas para o seguro. William e sua equipe analisam as pessoas baseado na doença que elas têm, e comparam o tempo de vida e de custo para o tratamento; ou então, se omitiu alguma cirurgia feita anteriormente e que pode ter causado a nova doença; e por ai vai, fazendo para a empresa não gastar dinheiro desnecessário. Crueldade não é?




Em relação às armadilhas, não tiveram tantas em relação aos dois últimos filmes, e algumas não tinham nada demais. O jogo psicológico é bem maior nesse sexto filme, ainda mais num caso como esse, onde uma pessoa decide quem deve morrer ou não; e as cenas são bem interessantes e fortes. A mais interessante é a armadilha do carrossel, onde William encontra os membros de sua equipe, que tem a missão de encontrar os “furos” na história das pessoas, que definem se a pessoa recebe o seguro ou não. São seis os membros da equipe dele, e William deverá escolher somente dois para sobreviver. A armadilha inicial também é muito tensa e, divertida: duas pessoas estão no jogo com uma prensa na cabeça que tem uns pregos que, a medida que o tempo passa, vai entrando mais fundo na cabeça, no cérebro, e por ai vai. Para sair vivo, eles têm que cortar pedaços de carne do corpo, e quem tiver cortado mais peso, ganha. Mas detalhe: o homem é muito gordo e a mulher, bem magrinha. Quem será que ganha?



Em Jogos mortais 6, tudo que deixaram em aberto nos outros filmes, é revelado. O que dizia na carta deixada para Amanda em Jogos Mortais 3? Qual o conteúdo da caixa recebida por Jill? O que realmente quer dizer a fita encontrada no estômago de John, deixada para Hoffman? Outros detalhes explicando algumas coisas relacionadas com a empresa de seguro de vida também aparecem, e em vários flashbacks. Jill ainda relembra quando John a convenceu que o método dele funciona, tendo Amanda como exemplo disso. Falando nela, Amanda fez uma coisa feia na época que Jill estava grávida, e isso tem haver com a carta que ela recebeu em Jogos Mortais 3, resultando na sua morte. Tudo isso eu vou explicar lá no final do post, nos detalhes reveladores.



De uma forma geral, Jogos Mortais 6 foi um dos melhores filmes dessa segunda trilogia, e novamente, fechando a série muito bem. Tivemos dois JigSaws: John Kramer (Tobin Bell) e o detetive Mark Hoffman (Costas Mandylor). Existe uma diferença entre eles, que é um dos motivos determinantes para o destino de Hoffman: John é mais humano, mesmo sendo um assassino; já Hoffman é frio, calculista e cruel, a ponto de planejar a morte de várias pessoas para se sair inocente dos crimes. Mas lembra que John disse que tinha nojo dos assassinos? E por fim, chega de Jogos Mortais. Não tem mais o que inventar, não existem novas idéias e vai ficar muito repetitivo se continuarem com o filme. Mas não, isso não aconteceu. Logo após o lançamento, os produtores avisaram que farão mais um filme da série, e será em 3D. Eles querem explorar os jogos mortais em 3D, e um ano depois, estreou Jogos Mortais: O Final (Saw 3D); e espero que termine. Agora, Jogos Mortais em 3D deve ser legal né? PS: Eu já vi Jogos Mortais 7 em 3D.







ATENÇÃO: SPOILERS - FINAIS REVELADORES E OUTROS DETALHES

Resolvi postar aqui no final do post, os finais reveladores de cada um dos três filmes; assim como as grandes surpresas dos filmes. NÃO LEIA A PARTIR DAQUI SE VOCÊ NÃO VIU NENHUM DOS FILMES, OU SÓ ALGUNS.

Jogos Mortais 4Detalhes reveladores: a mulher misteriosa que aparece nos flashbacks de JigSaw no terceiro filme, é Jill Tuck, que agora é ex-esposa de John. Os dois foram casados e Jill ficou grávida, porém, durante um assalto ocorrido no hospital onde trabalhava, ela perde o bebê de 7 meses, deixando John triste e revoltado. Por isso que ele resolveu se vingar das pessoas, por elas não agirem corretamente com os outros; e sua primeira vítima foi o próprio ladrão que causou a morte do seu filho, ainda na gestação. Na mesma cena, é explicado o porquê da máscara de porco que ele usa na fantasia: o filho dele ia nascer no ano do Porco, no horóscopo Chinês, e era tudo planejado por John, para o seu filho nascer naquele ano. Outro detalhe muito interessante é que a história de Jogos Mortais 4 se passa AO MESMO TEMPO que a história de Jogos Mortais 3: no quarto filme, o detetive Strahn está atrás do agente Rick, que é o alvo principal de JigSaw, nesse filme. No final, ele descobre onde estão os detetives Hoffman e Mathews, numa espécie de armazém enorme abandonado. O agente Rick chega aonde estão os dois detetives capturados, e ao mesmo tempo, o agente Strahn também chega. Porém, Strahn se perde e chega num outro lugar armazém, onde acaba encontrando a sala onde estava JigSaw na cama, a médica Lynn (Bahar Soomekh), Jeff (Angus MacFadyen) e Amanda (Shawnee Smith), já morta; tudo isso é o final de Jogos Mortais 3. A princípio, no final de Jogos Mortais 3, Jeff ficaria preso para sempre ali na sala, porém, Strahn aparece, e acredita que Jeff é o ajudante de JigSaw e Amanda, e dá um tiro, matando ele. JigSaw, Lynn e Amanda já estavam mortos quando Strahn tinha chegado. Ao mesmo tempo, e no mesmo lugar, Rick estava quase completando o seu teste.

Final revelador: Rick chegou onde os agentes Hoffman e Mathews estavam presos, e está à um passo de completar o seu teste. No gravador dele, dizia que ele teria que ter paciência para salvar os dois detetives. Ele mal sabia que, se abrisse a porta, ele ia acabar matando os dois agentes: a armadilha que os detetives Hoffman e Mathews estão, está conectada com a porta em que Jeff ia entrar. Quando a contagem zerar, o suposto assassino que prendeu os dois agentes, os soltaria; mas Jeff não espera e abre a porta, matando o detetive Mathews. Jeff vê a morte do amigo, dá um tiro no suposto assassino, que antes de morrer, entregou um gravador com uma fita. No mesmo tempo, o agente Hoffman aparece em pé: ele não estava em perigo e era tudo armação dele, ou seja, ele é que vai continuar com os jogos mortais de JigSaw.

Jogos Mortais 5: Detalhes reveladores: como disse antes, o detetive Hoffman está continuando com os jogos mortais de JigSaw. E nesse filme, é mostrado como e porque ele foi escolhido por John. Desde o primeiro filme que Hoffman ajuda JigSaw a arrumar as armadilhas e colocar as pessoas. Mas perai: Amanda já não fazia isso? Sim ela também fazia, mas ele ficava sempre escondido com JigSaw, armando as armadilhas. Hoffman já fazia isso antes mesmo de Amanda ser testada. Exemplo: Em Jogos Mortais 2, Hoffman ajudou JigSaw a colocar as pessoas dentro da casa; em Jogos Mortais 1, a primeira morte, do cara no arame farpado. Hoffman e JigSaw ficavam olhando a morte do cara, e essa foi a primeira vez que Hoffman presenciou os “assassinatos” cometidos por JigSaw. E em Jogos Mortais 3, teve um detalhe interessante: segundos antes de Amanda trazer a médica para a sala onde John estava deitado, ele falava com Hoffman sobre Amanda, que ela não ia conseguir continuar com os jogos mortais, e deu a Hoffman, um envelope que mostrava as pessoas que ele ia fazer as armadilhas, que são os personagens que participam dos jogos nesse quinto filme; e com isso, foi a primeira vez que Hoffman faria um jogo mortal só dele: até o quarto filme somente JigSaw tinha cometido os crimes. Mas como Hoffman virou o novo JigSaw? Tudo começou quando uma irmã de Hoffman foi morta, e ele decidiu se vingar to tal assassino de sua irmã. Para ninguém suspeitar que fosse ele que matou o cara, Hoffman usou a técnica de JigSaw, porém, ele não deu chance para o assassino sair com vida, mas mesmo assim, ele preparou a cena do crime como se fosse o verdadeiro JigSaw que fez. Com isso, John ficou furioso porque Hoffman usou uma técnica dele sem dar uma chance à vítima, e o detetive foi seqüestrado e motivado por JigSaw a participar dos crimes.

Final revelador: Desde o início, Hoffman investigava os crimes de JigSaw, e todos os detetives de todos os filmes também estavam junto com ele na investigação: David Trapp, dos Jogos Mortais 1, Eric Mathews e Kerry, Jogos Mortais 2, a agente Perez e o sargento Rick, Jogos Mortais 4, e para se dar bem, Hoffman matou todos. Faltava o agente Strahn, que investigava os crimes com Perez, em Jogos Mortais 4: ele foi seqüestrado por Hoffman, e deveria ter morrido, para que Hoffman fosse efetivado de cargo pela tão esperada morte de JigSaw e que não tivessem suspeitas dele. Porém, ele conseguiu fugir da armadilha, e descobriu que Hoffman é o novo cúmplice de John. Durante o filme, Strahn investiga sobre o passado de Hoffman, e descobre que ele matou o assassino de sua irmã, e isso é mais uma prova que ele tem para incriminá-lo. Mas Hoffman não é burro, e avisa Strahn, pedindo para que ele não o investigasse. Mas Strahn não deu ouvido a ele, e no final, Strahn morre: ele chega numa sala com uma armadilha preparada para ele, e na fita diz que se ele confia em Hoffman, ele vai entrar na cabine de gelo para se salvar. Ele não acredita, Hoffman chega e Strahn o ataca e o coloca na cabine. Hoffman falava a verdade e Strahn morreu esmagado por uma parede de ferro, enquanto Hoffman, seguro dentro da cabine de vidro, via Strahn sendo amassado pela parede, jorrando sangue em tudo que é lugar.

Jogos Mortais 6: detalhes reveladores: quando John descobriu que estava doente, ele foi procurar, além do dr. Gordon de Jogos Mortais 1, a empresa de seguros de saúde de William. Mas baseado nos cálculos feitos por ele, John não teria muito tempo de vida, e seria inútil ele tentar se curar, já que ele está velho também. E o resultado? William negou o seguro, deixando John triste e furioso, e é por isso o motivo dos jogos mortais desse sexto filme. E esse é o conteúdo da caixa deixada para Jill: cada envelope tinha as pessoas que iam enfrentar as armadilhas mortais de Jogos Mortais 6; e tirando a morte inicial, as outras são tudo haver com a empresa que negou o seguro para John, e sendo assim, esse o motivo da vingança pessoal de John. Mas tem mais: são seis envelopes que John deixou para Jill, e era Hoffman que ia comandar a vingança de John. Jill mandou só cinco envelopes para ele, e guardou um. E isso está relacionado com o final revelador, que contarei depois. Outro detalhe que aparece nesse sexto capítulo, e detalhe novo, é que Amanda tinha feito algo ruim na época que Jill estava grávida: lembra de Cecil, de Jogos Mortais 4, que assaltou o hospital para pegar remédios, e acabou batendo a porta em Jill ao fugir, fazendo ela perder o filho? Amanda era namorada dele na época, e ela o mandou buscar remédios para ela, ou seja, drogas, e sem querer, ela também causou a perda do filho de Jill E John. E isso está relacionado com o envelope que ela encontrou na gaveta em Jogos Mortais 3: no envelope, Hoffman escreveu que já sabia disso, e ameaçou contar a verdade para John se ela não matasse a dra. Lynn, a médica em Jogos Mortais 3. Lynn era muito importante para a situação no filme, pois ela era esposa quase divorciada de Angus, que teve o filho morto; e também, porque ela determinaria a morte de Amanda: lembra quando ela atirou em Lynn, e bem na hora chegou Angus, que em seguida, atirou em Amanda, causando a morte dela? Outra peça que se encaixa é a fita encontrada no estômago de John, na autópsia realizada em Jogos Mortais 4: uma gravação foi deixada para Hoffman, que dizia que os jogos estavam apenas começando, como se fosse uma ameaça para ele. Mas quem gravou a fita foi Jill, esposa de John: ela sabia desde o início o envolvimento de Amanda e Hoffman, e coube a Jill terminar o trabalho de John. E isso é reforçado pela caixa deixada para Jill; que tem haver com os jogos finais de Saw 6, além do final revelador que revelarei em seguida.

Final revelador: primeiro alguns flashbacks. O detetive Hoffman matou todos os policiais para que ele saísse inocente de tudo, porque ele era uma pessoa egoísta e cruel, como tinha falado antes. Ele usou a técnica de JigSaw para matar o assassino de sua irmã, mas isso foi determinante para descobrirem que ele era o seguidor de John. E também, soubemos que ele foi o escolhido por John para continuar os Jogos Mortais, e Amanda cuidaria de John, já que ele estava doente; e por fim, Hoffman estava tratando as vítimas como se fossem um lixo, e várias vezes JigSaw falou para ele isso. Tendo isso em vista, vamos para o final revelador. Na caixa que Jill recebeu de John, vieram seis envelopes; cinco ela deu para Hoffman, que eram as pessoas que iam participar dos jogos mortais nesse sexto filme, e o sexto ficou para ela, à pedido de John. No envelope escondido, estava a foto de Hoffman, e na caixa, estava a armadilha que Amanda passou pelo teste, no primeiro Jogos Mortais, ou seja: a sexta vítima era o detetive Mark Hoffman. Ele seria à última vítima devido as suas atitudes com as pessoas, e com Amanda: ele a ameaçou contar para a verdade para John, para também causar a morte de Amanda, e da Dra. Lynn. Jill chega ao esconderijo onde estão acontecendo os jogos mortais, deixa para Hoffman a carta escrita por ele para Amanda, e o prende, colocando a armadilha no rosto de dele. E isso causará a morte do novo JigSaw. Mas Hoffman conseguiu se soltar da armadilha, e o filme acaba com ele gritando de raiva!! E o filme acaba, porém, que venham os Jogos Mortais 7.

16 comentários:

  1. Parabens velho você é o mestre dos Jogos, realmente uma versão completa.

    ResponderExcluir
  2. Maravilha,muito obrigada!

    ResponderExcluir
  3. Parabens...agora só falta a ultima versao: jogos mortais o final (7)

    ResponderExcluir
  4. Cara ach qu vcé o cara que mais sabe disso em !!!

    ResponderExcluir
  5. Agora só falta a 3ª parte com o desfecho da franquia, posta pra gente :D

    ResponderExcluir
  6. Estou esperando ansiosamente o último post...
    Vc foi demais!!

    ResponderExcluir
  7. A muito foda D; .. Me da um negocio na garganta quando começo a ler ou assistir [sobre] ou o jogos mortais. O 7 sem duvida é o melhor de todos, com um final surpreendente [pelo menos essa é minha opinião]. Pena que acaba tudo no 7 ,com o subtitulo do filme sendo 'o melhor sempre fica para o final' , e realmente ficou. Kidó,kidó,kidó D;

    ResponderExcluir
  8. Parabéns novamente... Muito boa a sua resenha...
    Obrigada!

    ResponderExcluir
  9. ADOREI AS FOTOS E OS VIDEOS SOU MUITO FÃ DE JGOS MORTAIS MESME A MIN HA VO NAO DEIXANDO EU ASSISTIR EU AMO JOGOS MORTAIS SONHOI COM ES FILMES TODAS AS NOITES

    ResponderExcluir
  10. Sérgio Corrrêa Filho13 de fevereiro de 2012 18:54

    E aí, cadê os detalhes reveladores do 7? estamos esperando....

    ResponderExcluir
  11. Amigo por mais que ja tenha passado um bom tempo,fala do 7 por favor

    ResponderExcluir
  12. Uii, ! jogos mortais é um filme MEGA REAL,heim?!

    ResponderExcluir
  13. eu to usando um outro blog agora, segue o link abaixo. Eu sou o mesmo dono desse blog.

    http://omundodasetimaarte.blogspot.com.br/

    LOGO VOU FAZER SOBRE DO SÉTIMO FILME, E VOU REFAZER ESSA POSTAGEM E A PARTE 1. Seguem lá no outro blog.

    ResponderExcluir