Pages

21 de jan de 2011

Deixa Ela Entrar - Versão Original


No mesmo ano que foi lançado Crepúsculo, um filme sueco, discretamente, foi ganhando fama e prêmios mundo afora. Estou falando do filme Deixa Ela Entrar (Låt den räte komma in, 2008), um filme que mistura suspense, drama e terror, e que vai muito mais além de um simples filme de vampiro.


O longa se passa numa cidade chamada de Estocolmo, em 1982. Oskar (Kåre Hedebrant) é um garoto de 12 anos, solitário e um pouco problemático, que é atormentado por seus colegas de aula. Um dia, uma menina chamada Eli (Lina Leandersson), também de 12 anos, se muda para o apartamento ao lado de Oskar, os dois se conhecem e logo começam uma amizade, um amor inocente. Ao mesmo tempo, assassinatos começam a acontecer na cidade, e quando Oskar se aproxima mais de Eli, acaba descobrindo o terrível segredo que ela esconde.



Deixa Ela Entrar é um poderoso filme, que mistura suspense, terror e drama, representando a solidão dos dois personagens principais. A medida que vão se conhecendo, o laço de amizade entre eles aumenta, e surge um inocente amor entre os dois, aqueles amores inocentes de crianças. Os dois atores que fazem os papéis estão maravilhosos e extremamente fofos e carismáticos, cativando o espectador de uma forma assustadora. Oskar e Eli têm muito em comum: ambos se sentem solitários, não entendem o que acontece com eles, demonstrando os mesmos tipos de sentimentos. A medida que a história se desenrola, os dois se tornam cúmplices, mesmo ainda sem Oskar saber o verdadeiro segredo dela, que é revelado para ele mais para o final. 

Mas não pensa que o filme todo é assim, bonitinho e fofinho. O diretor não economiza na violência, crueldade e no sangue; e ainda mantém o clima sombrio durante o filme todo. A fotografia é belíssima e consegue passar o clima de solidão e depressão, exatamente como os personagens se sentem. O filme todo é maravilhoso e te prende a atenção do início ao fim. Porém, ele é meio parado, e muitos podem ficar se remexendo na poltrona. Mas isso não estraga em nada o filme, e por mais que demore para passar o tempo, cada cena que aparece nos prende a atenção. Vários elementos do filme são clichês em filmes sobre o tema; porém, são só detalhes para dizer que é assim que são. E porque o filme se chama Deixa Ela Entrar? Quem não sabe, vou dar uma dica: mais para o final, quando Oskar descobre o segredo de Eli, ela fica parada na porta, esperando Oskar convida-la para entrar. Alguma coisa acontece nessa cena, que explica o título do filme. Talvez os desavisados não vão entender na hora. 




Não deixe de assistir Deixa Ela Entrar só porque não é americano. Uma coisa que aprendi é que os filmes de suspense e terror americanos são bem inferiores aos filmes de outros países. E o longa sueco é um grande exemplo. Uma prova disso é que os americanos já fizeram um remake, entitulado de Deixe-Me Entrar (Let Me In), que tem tem direção de Matt Reeves, que dirigiu Cloverfield - Monstro. Agora o jeito é esperar a refilmagem estrear, e eu fiquei curioso em saber como ficou. Deixe-Me Entrar tem previsão de estréia dia 28 de janeiro. 

NOTA: 9,5 


PS: De brinde, coloquei o download do filme.



TRAILER















4 comentários:

  1. Esse filme é fantástico e quase chorei quando anunciaram que teria remake. Espero que não estraguem, de coração... Só vou assistir por causa da Chloe mesmo.

    Não entendi essa parte: Uma coisa que aprendi é que os filmes de suspense e terror não são americanos são bem inferiores aos filmes de outros países.

    xx

    ResponderExcluir
  2. "Uma coisa que aprendi é que os filmes de suspense e terror americanos são bem inferiores aos filmes de outros países."

    Já arrumei!! Eu mudei o que eu ia colocar, dae eu esqueci de tirar umas palavras ASKPOKSAKSPOAS

    ResponderExcluir
  3. Adorei o seu comentário, eu queria muito ver esse filme, mas sabe como é né, morro de medo de filme de terror. kkk

    ResponderExcluir
  4. E daí? Já viu o outro americano? Estou curiosa para saber sua opinião. Eu vi e achei incrível, mas ainda não vi esse aqui - o original, então não sei dizer...Vou baixar logo. Obrigada Rosane

    ResponderExcluir