Pages

6 de fev de 2011

127 Horas de angústia


6 INDICAÇÕES AO OSCAR: MELHOR FILME, ATOR, ROTEIRO ADAPTADO, TRILHA SONORA, CANÇÃO E EDIÇÃO

127 Horas (127 Hours, 2010), dirigido por Danny Boyle, é um drama baseado em fatos reais, sobre um alpinista que fica preso no meio de uma rachadura em um enorme canyon, nos EUA. O filme acompanha as 127 horas que personagem de James Franco fica preso no lugar. A história se passa em 2003, quando o alpinista Aaron Ralston (James Franco) resolveu fazer uma escalada nas  montanhas de Utah, nos EUA. Durante a escalada, ele sofre um acidente e fica preso em uma pedra, numa fenda no meio da enorme montanha. Aaron não avisou ninguem onde ia escalar, e o filme mostra as 127 horas (5 dias) que o personagem fica preso, tentando sobreviver com o pouco que ele tem. 


127 Horas é um filme que, a maioria do tempo, se passa em um único lugar, além de que o personagem de James Franco aparece sozinho a maior parte do filme, com excessão das lembranças de Aaron durante o filme. E se você pensa que vai ser tedioso, está enganado. O ator leva muito bem o filme adiante, com uma atuação convincente e maravilhosa, nos passando muito bem todo o desespero que personagem passou. Mesmo nas situações mais difíceis e horríveis que alguém pode passar, ele não perde o humor , a ironia e a sensibilidade, e nos apresenta uma maravilhosa atuação. E apesar do desespero de ficar preso ali e morrer, ele nunca perde as esperanças de conseguir sair com vida, exatamente como diz a frase que aparece no trailer: "Não há força mais poderosa na Terra do que a vontade de viver". É tão bom saber que um ator da nova geração tem talento o suficiente para conseguir manter um filme sozinho, e com certeza, James Franco terá o mesmo respeito que os grandes atores veteranos têm agora. 



Além da ótima atuação do ator, outro atrativo é a fotografia linda do filme. As paisagens no meio dos Canyons são perfeitas e maravilhosas, embaladas numa excelente trilha sonora, com destaque para If I Rise, de A.R. Rahman e Dido, que foi indicado ao prêmio de melhor canção. 127 Horas mistura cenas reais com as lembranças vividas do personagem, que o ajudam a superar todo o problema que está passando. E as vezes, o diretor mostra cenas do que o personagem imaginava que queria que acontecesse, deixando a gente na dúvida se é verdade ou imaginação dele. 



127 Horas é tenso, angustiante e ao mesmo tempo é um filme maravilhoso e inspirador, sobre a vontade de viver e todo o sentimento de culpa pelos atos que o personagem fez durante sua vida. É como se a pedra que o prendeu, e todo esse momento, fossem um teste para ter uma segunda chance na vida, e mudar tudo que fez de errado. E é exatamente isso que o filme propõe, como até o próprio personagem diz: "Essa pedra esteve me esperando desde o momento que eu nasci." James Franco é um forte concorrente ao Oscar de Melhor Ator, e merece o prêmio. Vamos torcer para que a academia dê o prêmio a ele. 127 Horas estréia no Brasil dia 18 de fevereiro.


NOTA: 9,0

TRAILER

Os trailers estavam com a incorporação desativada. Aqui está o link pra assistir no Youtube. 









Nenhum comentário:

Postar um comentário