Pages

26 de jul de 2011

Besouro Verde em ação


Besouro Verde (Green Hornett, 2011), teve início em 1936 nas rádios, para depois fazer carreira na TV, em 1966, com Bruce Lee no elenco. Quatro séculos e meio depois, na onda de trazer super-heróis para o cinema, inventaram de trazer o besouro verde para o cinema, com Seth Rogen (Pagando Bem que Mal Tem, Ligeiramente Grávidos) no papel do super-herói. Diferente dos outros filmes de super-heróis, O Cavaleiro das Trevas, Superman, X-Men, entre outros, Besouro Verde investe muito na comédia e atrapalhadas do herói e seu ajudante Kato (Jay Chou), deixando a formalidade de lado; também, né, com Seth Rogen no papel do super-herói, era de se esperar algo do tipo. No elenco estão a pantera Cameron Diaz e o vilão de Bastardos Inglórios, Cristoph Walts.

Britt Reid (Seth Rogen) é um cara mulherengo, só quer saber de farras, mulheres, bebidas; não trabalha e é filho de um poderoso dono de um jornal de Los Angeles. Após a morte de seu pai, com quem não tinha uma boa relação, e depois de salvar um casal de ser assaltado, Britt decide virar um super-herói, e chama o mordomo de seu pai, Kato (Jay Chou), para ser seu ajudanteMas com a fama ruim que o herói começou a ter, Britt chama a jornalista Lenore (Cameron Diaz), para ajuda-lo a melhorar a fama dele, além de noticiar para o jornal. Mas Britt acaba irritando o poderoso Chudnofski (Cristoph Waltz), e ele fará de tudo para destruir o besouro verde para poder reinar na cidade novamente.



Besouro Verde não se deve levar à sério, pois é um filme de super-herói com bastante comédia, piadas medianas e vilões semuita graça, com exceção do Chudnofski, intepretado por Cristoph Walts. Além da comédia, o filme tebastante cenas de ação, misturadas com câmera lenta em algumas cenas, explosões e cenas que só acontece em filmes. O besouro verde não tem super poderes, e isso é uma ótima idéia, porém, poderia ter sido muito melhor explorado. Cameron Diaz está perdida no filme, realmente como coadjuvante, semuita importância na trama, o que é uma pena (já imaginava ela fazendo par romântico com o besouro verde, e sendo sequestrada pelo vilão)Seth Rogen, definitivamente, não deve interpretar papéis de super-heróismas Besouro Verde é uma exceção, por causa do personagem, que é imaturo e engraçado. Cristoph Waltz, que interpreta o vilão Chudnofski, é o que mais se sai bem. Vale destacar também o personagem de Jay Chou, que interpreta Kato, o mordomo de origem oriental especialista em artes marciais. Ele é o personagem que mais se destacou na trama, junto com Walts. Tem também uma partição especial e super engraçada de James Franco.


O enredo é um pouco confuso em algumas partes, e poderia não ter aparecido algumas cenas, além de que poderia ter sido explorado mais como um filme de super-herói. Com isso, o filme foge dos padroes de filmes de super-heróis, mas se sai bem nisso, se tornando um filme à parte. O resultado disso é um longa que te deixa na dúvida de ser bom ou não, mas que contribiu o papel de entretenimento, se tornando apenas isso, e nada mais, conseguindo se sair bem na mistura de ação e comédia. Não espere assistir à um filme sério sobre super heróis: Besouro Verde é humor e comédia do início ao fim, com ótimas piadas e bastante imaturidade; misturadas com cenas de ação e explosoes.  Apesar de ter sido massacrado pelos críticos, Besouro Verde conseguiu faturar mais de US$ 98 milhoes nos EUA, e US$ 227 milhoes mundialmente.











Nenhum comentário:

Postar um comentário